Dita Von Teese ensina striptease

Dita Von Teese faz parte das fantasias de muitos homens. Sedutora, imagem terrena de prazer divino, é mestre na arte de bem  vestir e de melhor despir. Burlesco e striptease são duas palavras que aparecem sempre associadas ao seu nome.

Ninguém melhor que Dita para ensinar alguns truques para um striptease bem conseguido. Não há nada mais sexy do que uma mulher estar totalmente no controlo da situação, mostrando lentamente aquilo a que ele vai ter direito, tirando as camadas de roupa que lhe escolhem o corpo, seguindo o ritmo e balanço de uma boa canção.

Uma sessão privada de striptease é um momento excitante para ambos. Mas esta arte é algo mais do que tirar a roupa, é uma performance e deve ser preparada como tal.

Para ajudar a libertar a deusa que há em si, listamos os melhores conselhos de Dita Von Teese.

article-1354388-0D11712F000005DC-189_468x410

ESCOLHER A ROUPA

O básico

A primeira coisa que vai precisar é da lingerie perfeita. Na opinião de Dita, esta deve ser composta por: soutien, cinto de ligas, meias e cuequinhas. Pode ter um g-string, também. E também vai precisar de várias camadas de roupa, que possam ser removidas lentamente e sem esforço aparente.

Escolha uma lingerie que a faça sentir sexy. Não pense muito no que o seu espectadora prefere, pois um strip bem feito é aquele que exala confiança e sensualidade. Por isso concentre-se naquilo que A faz sentir assim.

Dita afirma que lingerie em renda preta ou vermelha fica bem em todas as mulheres, e é sempre uma escolha acertada e sexy. O preto é um look clássico e sofisticado. Dita garante que nunca a deixou ficar mal.

O soutien

soutien cinto ligas e slip baci
soutien cinto ligas e slip baci

Dita prefere um soutien com alguma sustentação, e com alças. Certifique-se de que lhe serve perfeitamente, e que fica bonito de todos os ângulos. A parte de trás do soutien não deve ficar muito subida. Use o seu tamanho.

O cinto de ligas

soutien e mini saia ligas baci
soutien e mini saia ligas baci

No seu dia-a-dia, Dita prefere um cinto de ligas robusto. Mas não há muitas mulheres que usem um cinto de ligas diariamente… Para as sessões de striptease, Dita aconselha algo bonito e voluptuoso. Afinal, como depressa vai perceber,  os strips  rapidamente terminam assim que se despe as cuequinhas. Daí, a escolha do cinto de ligas é vital.

As meias

meias
meias

Existem muitas escolhas no mercado, e devem sempre ter a terminação em renda ou malha.Há dois tipos em que deve estar concentrada:

Opção 1: meia com um estilo mais retro, com a costura na parte de trás.

Opção 2: meia de rede, mais moderna.

As meias mais elásticas podem ser retiradas com uma das mãos, e depois atiradas (tipo fisga) para um strip mais intenso. Mas isto requer alguma prática!

A base elástica (em renda ou malha) também serve para esconder um preservativo. Segurança sempre, mas sem nunca perder a pose… Assim, quando tiver de o colocar no seu parceiro, parecerá tudo muito sexy e natural.

As cuequinhas

la lace up short
la lace up short

É uma mulher de slips, g-string ou algo mais confortável?

Cada revelação de pele, diz Dita, deve ser surpreendente. Por isso, se quiser usar g-string, deve fazê-lo por baixo de outras slips ou cuequinhas maiores. Assim até tem outra camada para retirar. Não deve mostrar muito, a antecipação faz parte do strip.

Nota a recordar: as cuequinhas (e g-string) devem ser usados POR CIMA do cinto de ligas. Vai-lhe poupar embaraços e perdas de tempo que tiram o look sexy a qualquer uma.

E que homem não fica for de si a ver uma mulher apenas com meias e cinto de ligas??

Fatos, saias e vestidos

fato
fato

Então, precisa de uma boa lingerie… E o que usar por cima? Afinal, é um striptease, é suposto tirar a roupa.

Escolha um fato, um vestido, ou um conjunto de blusa e saia. Nada que revele demasiado o que está por baixo. Aquelas saias que abotoam e as camisas cache-coeur (que cruzam à frente) são uma boa escolha.

Dita lembra: tudo o que escolher deve ser fácil de retirar, de forma elegante. Não escolha vestidos com fechos demasiado altos, nem nada que tenha que sair pela cabeça (para também não estragar penteado e maquilhagem).

Sapatos

sapatos
sapatos

Em relação aos sapatos, o tamanho importa! Escolha um par de saltos altos, mas não tão altos que caia deles. Devem sair facilmente. Tiras e fivelas que tenha de desapertar, só para stripers experientes…

Se os sapatos forem demasiado altos, pode sempre gatinhar. É divertido!

Faça striptease com o cabelo

clip
clip

Sim, leu bem. Dita sugere que o cabelo também seja usado no sriptease. Uso um elástico, ou ganchos e pauzinhos para o prender. E retire-os dramaticamente, soltando o cabelo e dando-lhe um balanço com o movimento do pescoço. Só no momento certo!

Umas gotas de perfume na escova de cabelo, antes de o pentear, fazem maravilhas na sedução e antecipação. Comece por escovar o cabelo a partir da base do pescoço.

Luminosidade

vela massagem
vela massagem

Dita não se cansa de falar na importância da luz. Tem reguladores de intensidade em todas as divisões da sua casa. Se não tiver um regulador, não se preocupe. Existem outras formas de colocar a luz certa na divisão que vai usar para o seu strip.

Coloque velas, use uma encharpe sobre um candeeiro. Os tons mais favoráveis para a pele e ambiente são os rosa ou lavanda. Escolha lenços dessas cores.

Muito cuidado para não queimar a encharpe, nem coloque as velas junto de cortinas ou outros materiais inflamáveis.

A música certa

music
music

A melhor dica que Dita pode dar é esta: escolha uma música de que goste muito. Nem a Dita poderá dizer qual será o tema que condirá com a sua disposição. Pode escolher música de qualquer época, desde que seja condizente com a sua personalidade.

No entanto, Dita sugere alguns clássicos do striptease: ‘Feelin’ Good’ de Nina Simone, ‘The Silencers’ deVikki Carr, ‘Purple Wail’ de Red Prysock, ‘The Stormy Blues’ de Billie Holiday e ‘Deshabillez-Moi’ de Juliette Greco.

A PREPARAÇÃO DO STRIPTEASE

Já tem a sua roupa, penteou o cabelo, escolheu a música, preparou as luzes. Está pronta!

Agora verifique se está tudo no lugar certo para o striptease perfeito.

Dita aconselha que sente o seu homem num cadeirão, sofá ou cadeira confortável. Se ele quiser uma bebida, sirva-lhe a sua favorita. Afinal, esta é uma ocasião especial.

E se também tomar uma bebida? Se um cocktail a fizer descontrair, ou dois, tudo bem. Mas não exagere.

Se ele estiver nessa disposição, prenda-lhe as mãos com uma fita ou com as meias que rasgou durante os ensaios. Se apertar muito… Assim evita que ele se entusiasme e comece a festa a solo, enquanto olha para si. Mas, se for essa a vossa escolha, avance com as mãos livres…

Coloque uma cadeira para si, a cerca de um metro dele. Escolha uma cadeira que seja estável. E tem pontos extra se for uma peça bonita, de costas altas.

O STRIPTEASE

A roupa

Finalmente, depois de todas esta preparação, vamos começar. Dita tem um guia passo-a-passo, como tudo o que tem de fazer:

– Comece por ficar junto da sua cadeira. Passe alguns segundos a interiorizar a música, balançando as ancas, passando as mãos e os dedos pelo cabelo, pescoço e ancas, em gestos delicados. Olhe-o, olhe para si.

– Agora, comece a provocação. Mostre um pouco de perna, isso é uma racha na sua saia? E o decote, dá para ver um pouco? Revele algo do que está para vir.

– A chave para um excelente striptease é estar calma, mover-se lentamente e sentir-se sensual. Lembre-se de respirar e relaxar. Se algo de imprevisto acontece, ria-se de si própria ou sorria. Está sempre no seu ponto mais sexy quando se está a divertir.

– Agora que tirou o seu fato ou a sua saia, mostre-lhe o quão lascivo é o seu corpo na lingerie que escolheu. Pode dançar lentamente à volta da cadeira, estalar uma liga, inclinar-se para a frente e mostrar-lhe o seu decote.

– Siga a costura da sua meia com o dedo enquanto se inclina para a frente. Passe o dedo pelo interior das ligas.

– Sente-se na cadeira, virada para ele. Abra e feche as pernas, em provocação.

A lingerie

– Tire o soutien: lentamente, deslise uma alça sobre o ombro. Toque um pouco no seu decote, passe os dedos por dentro do soutien. Agora, a outra alça. Vire-se de costas e desaperte o soutien, enquanto espreita por cima do seu ombro. Retire-o, lentamente. Pode deixá-lo cair no chão, atirá-lo num gesto triunfante (tipo fisga) até ao outro lado do quarto (longe das velas!!) ou oferecê-lo ao seu companheiro.

– Quer aproximar-se? Deixe-o sentir o seu perfume, ou toque-lhe na face com o seu decote, em antecipação.

– Agora, o slip. Antes de os tirar, acaricie-se. Vire-se de costas para ele, incline-se um pouco e baixe as cuequinhas apenas até meio da curva glútea. Pare aí, olhe para ele com um sorriso maroto.

– Tire as cuecas até ao fim, segurando a cadeira com uma mão para ter estabilidade. Como já praticou esta parte, faça-o parecer fácil. Assim que as cuequinhas chegam aos tornozelos, sente-se graciosamente na cadeira e solte-as dos seus saltos altos. Neste momento, pode aproximar-se dele e poisar as cuequinhas no seu colo.

– O striptease termina aqui? Sim pode ficar por aqui. Se teve este trabalho todo por um homem, é porque ele é especial para si. É o momento em que se passa do striptease para o encontro erótico, enquanto ainda está de meias, liga e saltos altos!! Mas, se quiser um terceiro round, pode retirar lentamente as meias e o cinto de ligas. Resulta sempre….

Caso queira conhecer a nossa loja:

+Vibrolandia

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Aviso! Este site contém imagens e conteúdos exclusivamente para adultos. Se você não atingiu a idade de 18 anos ou se este tipo de conteúdo o ofende, não prossiga